quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Simplesmente

Simplesmente você em mim
O que tenho por fora, permanece inalterado

Sorriso estampado no rosto, calor no corpo inteiro, alegria de ver e viver,
Parece festa, parece fogo, parece... parece felicidade!


Dentro de mim há um abismo.

Não pode ser visto, nem tocado
Sua profundidade é incalculável, 
Os que tentam desvendar apenas se enchem de dúvidas

Dúvidas? 

Sim! Muitas dúvidas.
Coisa inexplicável...

O que me move é a paixão

É ela que me faz querer viver
Que me faz voar e querer alcançar o céu
Voar bem alto... e cair, voltar ao chão .



O que queima dentro de mim é o desejo incontido de ter (e não ter)


E se me busco em mim mesma, encontro o vazio

A loucura,
O medo .

Mas se por um segundo eu me encontro, mesmo que por um segundo 
Eu quero, eu surto, eu vejo, eu sinto...
Que você está aqui .

Simplesmente

entrego-me !
(Fatima Vasconcelos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos donos de nossos atos , mas não donos de nossos sentimentos; Somos culpados pelo que fazemos, mas não somos culpados pelo que sentimos; Podemos prometer atos, mas não podemos prometer sentimentos... Atos são pássaros engaiolados, sentimentos são pássaros em vôo. (Mario Quintana)

Páginas